segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Incontinência Urinária.



Incontinência Urinária: Tratamentos Naturais 


Olá amigo(a)s a dica de hoje vem lá do Portal Natural, vamos ver sobre Incontinência Urinaria e o tratamento naturais.  Vamos ver os sintomas, as causas e o tratamento natural.


SINTOMAS Perda involuntária de urina, em quantidades muito pequenas, ao , por exemplo, tossir, espirrar, rir, andar, correr, levantar ou qualquer susto ou esforço rápido ou não esperado.

CAUSAS Incontinência tende a ocorrer mais em mulheres do que homens, embora homens mais velhos também podem tê-la.

Várias podem ser as causas, incluindo alergias alimentares, hipoglicemia, distrofia múltipla, esclerose múltipla, câncer, acidentes vasculares cerebrais, ferimentos e danos cirúrgicos.

Outras causas incluem danos na base da pelve pelo médico no momento do nascimento, não fazer pré-natal e pós-exercícios, sobrepeso, etc.

Pode acontecer após um parto prolongado, resultante do alargamento da pélvis. Se exercícios pós-parto não são feitos, este problema, que pode desaparecer durante anos, pode voltar mais tarde.

Incontinência é muito menos provável em mulheres que nunca deram à luz um filho.

TRATAMENTOS NATURAIS

• O melhor exercício para a base da pelve são variações do exercício Kegel (exercício para fortalecimento do músculo pélvico), e devem começar no início de gravidez ou antes, e continuar por, pelo menos, 3 meses após o parto. Estes exercícios reforçam determinados músculos.

Solte um pequeno fluxo de urina e, eventualmente, páre-o. Fazer isso ajuda você a reconhecer os músculos envolvidos. Mais tarde, pratique esta paragem de fluxo da urina, segurando por 1 a 2 segundos, e repetir de 6 a 8 vezes sempre que você urinar. Você pode, eventualmente, ser capaz de parar o fluxo de urina completamente. Aprenda a relaxar lentamente os músculos pélvicos desde a contração completa ao pleno relaxamento.

Pratique o aperto destes músculos em várias outras vezes durante o dia. Repita de 6 a 8 vezes em cada sessão, várias vezes por dia. Segure cada contração por 2 a 5 segundos e, depois, relaxe.

Ao fazer estes exercícios, não segure a respiração. Empurre para baixo no a base da pelve, as nádegas, a face interna das coxas e da musculatura abdominal. Quando começar, não esgote seus músculos pélvicos. Sempre que as contrações te enfraquecerem ou te deixarem cansado, interrompa por aquele momento. Construa sua força muscular lentamente, sem pressa.

• Evite álcool, cafeína, o tabaco e suco de toranja (grapefruit).

• Use suco de cranberry(oxicoco).

• Reduza a quantidade de líquidos ingeridos, mas não muito.

• Evitar a constipação.

• Perca peso até chegar no seu peso ideal.

• Vá ao banheiro quando você começar a ter vontade. Não espere, ou você poderá enfraquecer o controle da bexiga.

• Faça uma dupla tentativa de urinar. Após urinar pela primeira vez, levante-se e sente-se novamente. Incline seu corpo ligeiramente à frente dos joelhos e tente novamente.

INCENTIVO O Deus Criador fez algo imenso para todos nós. Ele criou o planeta Terra lindo e perfeito. Criou os animais e a natureza. E criou você também! Portanto, Ele te conhece perfeitamente. Ore, fale com Deus e peça ajuda para seus problemas. Ele pode e quer te ajudar.

Fonte da imagem: http://www.google.com.br