quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

A glutamina é boa para o intestino irritável.





Glutamina

Hoje quero falar sobre a Glutamina e os seus benefícios. Não vou falar aqui da Glutamina para atletas de atividades físicas, mas da 100% natural, não tem outros componentes. Quem acompanho o blog sabe que já falei aqui sobre a doença que descobrimos no meu filho nesse atigo aqui: O que é síndrome do intestino irritável?  e a Glutamina é dos produtos naturais que faz parte da dieta dele.

A Glutamina é um dos aminoácido codificados pelo código genético, sendo portanto um dos componentes das proteínas dos seres vivos. A glutamina é o aminoácido livre e é mais abundante no tecido muscular. Além de atuar como nutriente (energético) para as células imunológicas, a glutamina apresenta uma importante função anabólica promovendo o crescimento muscular. Este efeito pode estar associado à sua capacidade de captar água para o meio intracelular, o que estimula assim a síntese protéica.




Duas particularidades importantes da glutamina são a sua capacidade de promover uma liberação extra de hormônios e a presença de dois radicais amina em sua cadeia carbônica (Bill Phillips, 1997).

Síntese de aminoácidos

A síntese dos aminoácidos se dá devido a capacidade da glutamina de doar um radical amina de sua cadeia para a formação de outros aminoácidos. Assim, a glutamina possui um papel importante na gliconeogênese ao participar do ciclo alanina-glicose. No músculo, o ácido pirúvico recebe um radical amina do ácido glutâmico (derivado da glutamina) e formará a alanina que por sua vez será transportada para o fígado onde após sua desaminação (perda de NH2), produzirá glicose (McArdle, 1998).

Controle do pH sanguíneo

O controle do balanço ácido/ básico é importante para que o pH sangüíneo varie somente entre 7.35 e 7.45 e é executado pela glutamina de várias formas. Além de fornecer a nutrição adequada dos rins para promover a liberação de H+, ela atua diretamente nesse processo. A quebra de glutamina nos túbulos distais é um caminho primário para se aumentar a quantidade de amônia renal. O H+ em excesso não é capaz de ser excretado sozinho pela urina, então ele se junta a amônia formando um íon de amônia que em combinação com um ânion, geralmente o clorídrico, pode ser excretado pela urina. A outra maneira seria o aumento na produção de íons bicarbonato pela oxidação dos carbonos das cadeias de glutamina. O bicarbonato seria lançado para a corrente sangüínea e tamponaria o H+ excedente (Rowbotton, 1996).

Referente à síntese muscular (anabolismo) a glutamina atua fazendo o transporte do nitrogênio para a formação de grande parte dos aminoácidos corporais. Além disto, ela atua como precursora de nitrogênio para a formação de nucleotídeos, atuando na sua formação.


Glutamax da Vitafor é a que ele usa, mas existem outras marcas no mercado. A Glutamax é uma dos preços mais baixo no mercado. O preço da de 300g vai de R$ 85, 00 a 104,00. 

A  Glutamax é indicada para pacientes com distúrbios intestinais, infecções, alergias e períodos pós-cirúrgicos. Além de atuar como nutriente às células imunológicas, a glutamina apresenta importante função anabólica promovendo o crescimento muscular. 

Os benefícios

Essa substância desempenha um papel fundamental no metabolismo proteico e no anti-catabolismo, ajudando o corpo a se proteger contra as perdas excessivas de tecido muscular.

Melhora o sistema imunológico 
Melhora reparação do intestino 
Auxilia no ganho da massa muscular 
Melhora processos inflamatórios 
Pode ser usado por pacientes adultos e pediátricos 
Diminui o catabolismo
Eleva os níveis de hormônio do crescimento 
Aumenta força Reduz o tempo de recuperação 
Aumenta os níveis de resistência Diminui 
o risco de overtraining.







Glutamax da Vitafor é feito com matéria prima de primeira linha, A L-Glutamina utilizada neste produto vem do Japão, do maior fabricante de aminoácidos do mundo, o que garante um altíssimo grau de pureza.
Por isso o Glutamax da Vitafor é um produto muito receitado por médicos e nutricionistas contribuindo para:

Aumento das proteções imunológicas;
Contribui para reparação intestinal;
Potencializa o ganho de massa muscular, elevando os níveis de hormônios do crescimento.


Fonte da pesquisa: https://pt.wikipedia.org



Espero que tenham gostado da dica.

Irismar Oliveira